Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




E se porventura

por cumplicedotempo, em 01.06.14

 

 

 

E se porventura isto não fosse mais do que uma aventura, nunca deixaria de ser uma história de amor, escrita onde a barreira dos medos ousou se quebrar para nos desejos se fundir.

Ousadia dos sentidos, atropelo de emoções, vendavais de uma paixão comum que numa folha branca outrora preenchida pela timidez e receio intentou ainda que a custo dar inico a um conto de afetos

Narrativa de anseios, cronica de vontades, submissas no pavor de ali se entregarem, naquele que poderia ser o prefácio desta que ali deixará de ser uma simples aventura para se tornar uma história que de amor se enche e preenche a cada entregar.

 

E se porventura isto não fosse mais do que uma história de amor, nunca deixaria de ser uma aventura, escrita onde a barreira dos desejos ousou se fragmentar para os medos iludir.

Ousadia de quem ama, e que no atropelo das emoções se deixa levar no vendaval da paixão, comunhão que na folha que já fora branca enche os seus contornos de cor e vivacidade, moldurando a sua razão de ser e existir.

Narrativa ansiada, cronica de quereres, agora livres no prazer de este entregar em mais um capítulo de um simples história de amor que se torna aventura a cada libertar.

 

E se porventura esta aventura, historia de amor tiver fim, que ele seja na comunhão de ambas para que nada fique por escrever (viver).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:47


6 comentários

Imagem de perfil

De MIGUXA a 02.06.2014 às 00:34

E se por ventura a vida não fosse uma aventura, um contínuo ultrapassar de medos, com amor, nunca se tornaria história...

Que bom é ler-te meu doce Amigo
És de facto poesia em prosa

Beijos cúmplices
Margarida
Imagem de perfil

De cumplicedotempo a 02.06.2014 às 01:27

E se por ventura eu sorrio ao ler te é sempre na certeza que a tua amizade se torna poesia a cada partilhar de cumplicidades

beijo cúmplice minha doce amiga
Imagem de perfil

De Diana V. a 02.06.2014 às 00:58

"ESCREVIVER" ... Que bom ler-te querido Cúmplice :) Está maravilhoso, como habitual...

Beijinhos
Imagem de perfil

De cumplicedotempo a 02.06.2014 às 01:30

"Escreviver" amei o termo minha amiga, ficara sem duvida no dicionário das minhas, nossas cumplicidades

beijo cúmplice
Imagem de perfil

De Ametista a 03.06.2014 às 17:47

'...que nada fique por escrever...'
Lindo, meu amigo :)
Imagem de perfil

De cumplicedotempo a 03.06.2014 às 22:55

Ou como disse e bem a nossa amiga Diana V, que nada fique por "escreviver"

Beijo cúmplice Leonor

Comentar post